rascunho

esse (seu) ressentimento amoroso. resquícios de tudo que somos fomos. os velhos amigos amores testemunhas do nosso envelhecimento, guardiões desavisados da juventude. tanta mentira, tanto equívoco. tanta vida. e é por isso que deixo meus olhos encherem d’água diante de ti. tão infantis. sempre.

Anúncios

deixar um comentário

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s